Convite/Aviso

A Paz!

Preparação da Festa em Honra ao Senhor Bom Jesus. Será grande nossa alegria, com a sua presença e de sua família. Não deixe de participar!
Novena de 26/07 á 03/08/13 ás 19h00. Quermesse dias 2728/07 e 03, 04/08 após a novena.
Festividade dia 04/08: Início com Adoração ao Santíssimo Sacramento das 9h00 ás 13h00.
Procissão ás 15h00 nas ruas em torno da comunidade, em seguida Santa Missa, e logo após continuação da Quermesse. #Divulguem

“Fazer discípulos” – Reflexão de Dom José Alberto

A identificação com o Mestre faz o discípulo assumir postura, a mais parecida possível com o próprio filho de Deus. Facilita isso o fato de Jesus, de natureza divina, ter assumido também a natureza humana. Seria impossível ao humano, por ele mesmo, identificar-se com o divino. Mas o homem, nascido de Maria, identificou-se em tudo conosco, menos no pecado. De ora em diante, para termos a postura semelhante à dele, precisamos superar o pecado e ter força para não cairmos na tentação,  como Jesus, que a venceu de modo exemplar.

Esta Jornada Mundial da Juventude com o Papa apresentou o tema: “Ide e fazei discípulos entre todas as nações” (Mateus 28,19). Não se trata de pura promoção do sectarismo por interesse religioso ou de competição com outros grupos. Poderíamos ser até minoria nesse sentido. A missão dada por Jesus aos discípulos é a de vivermos a coerência da fé nele, que também não foi aceito por minorias. Sua condenação e morte são fruto de sua pessoa obediente ao Pai e coerente com a proposta de vida avessa à busca de ídolos, desviada da vida de sentido apresentada por Deus.

A missão praticada com a coerência da fé leva a pessoa a dar de si, até mesmo a vida, para realizar a implantação do bem, da justiça e da fraternidade. Ela faz o discípulo de Jesus, a não medir esforços e sacrifícios para indicar a caminhada coerente com o Evangelho. A sociedade, de modo especial a juventude, se não bem orientada, pode cair na tentação de  colocar no efêmero o objetivo da vida. Quem, no entanto, assume a postura de Cristo, faz a ascese ou exercitação na prática das virtudes propostas por Ele, para seguir o caminho que leva à vida plena.

Ser missionário, no encalço ao Filho de Deus, é assumir a atitude diuturna de levar os outros a perceberem o objetivo e o caminho adequado da vida para a realização humana plena. Conquistar a felicidade passa pela doação de si pelo bem do semelhante, mesmo tendo-se que sacrificar até o lícito para a promoção da vida e da dignidade humana.

Muitos podem até não aceitar a proposta e os valores apresentados pelo Mestre, mas a missão do discípulo continua coerente com sua opção de vida no esforço por imitá-lo e realizar a missão dada por Ele. Se as pessoas não quiserem aceitar a paz apresentada pelos discípulos, ela volta para os mesmos, que procurarão apresentá-la a outros que poderão assumi-la. Ser missionário, então, não significa impor, mas viver e propor o que Cristo indica.

Quem é discípulo se torna também missionário, pois, Jesus não manda ninguém guardar só para si o tesouro de seu amor, com vida de fé intimista e puramente fechada no subjetivismo pessoal. Ele mesmo indica: “Vão pelo um mundo inteiro e anunciem a Boa Notícia para toda a humanidade” (Marcos 16, 15). O apóstolo Paulo lembra: “Ai de mim se eu não anunciar o Evangelho!” (1 Coríntios 9,16).

Hoje é tempo, de modo especial,  de a juventude assumir seu lugar na Igreja e na sociedade, para assumir e implantar o novo da vida de Cristo e espalhá-lo para ajudar a inflamar a todos com a certeza de que um mundo diferente e feliz é possível. Teremos um convívio mais humano e divinizado com o amor daquele que deu a vida e mostrou, com a ressurreição, que temos a garantida de vencer a batalha da vida com seus novos critérios de verdadeira justiça e real amor.

                                                                                 Dom José Alberto Moura (Arcebispo de Montes Claros- MS)

Fonte: Canção Nova

Oração Oficial da JMJ 2013

270527_408171225958467_319109633_n (1)

                                                              Conheça a Oração Oficial da Jornada Mundial da Juventude 2013:

Ó Pai, enviaste o Teu Filho Eterno para salvar o mundo e escolheste homens e mulheres para que, por Ele, com Ele e nele, proclamassem a Boa-nova a todas as nações. Concede as graças necessárias para que brilhe no rosto de todos os jovens a alegria de serem, pela força do Espírito, os evangelizadores de que a Igreja precisa no Terceiro Milênio.

Ó Cristo, Redentor da Humanidade, Tua imagem de braços abertos no alto do Corcovado acolhe todos os povos. Em Tua oferta pascal, nos conduziste pelo Espírito Santo ao encontro filial com o Pai. Os jovens, que se alimentam da Eucaristia, Te ouvem na Palavra e Te encontram no irmão, necessitam de Tua infinita misericórdia para percorrer os caminhos do mundo como discípulos-missionários da nova evangelização.

Ó Espírito Santo, Amor do Pai e do Filho, com o esplendor da Tua Verdade e com o fogo do Teu Amor, envia Tua Luz sobre todos os jovens para que, impulsionados pela Jornada Mundial da Juventude, levem aos quatro cantos do mundo a fé, a esperança e a caridade, tornando-se grandes construtores da cultura da vida e da paz e os protagonistas de um mundo novo.

Amém!

Já estamos na contagem regressiva pra Jornada Mundial da Juventude 2013 que vai de 23 á 28 de Julho. #6dias
O que é JMJ?
História da JMJ

      “Ide e fazei discípulos entre todas as nações” (Mt 28, 19)

Feliz dia do Homem!

Parabéns aos homens,que vocês sejam autênticos cristãos e façam a diferença !Deus abençoe!

15 DE JULHO, DIA DO HOMEM

Equipe PasCom

Convite Especial

A Paz! Mulheres este convite é especialmente pra vocês. No dia 01/09 será realizado o 1° retiro para mulheres na Paróquia de Todos os Santos, “Mulher dos olhos de Deus”.  Ainda não adquiriu sua ficha? Então corre que ainda dá tempo, você pode adquirir a ficha na secretária da paróquia.Não deixe de participar! #Divulguem

1006235_10200983009591975_1008681978_n

                               “Guarda-me como a menina dos olhos, esconde-me á sombra de tuas asas” Salmo 17.

São Bento

   São Bento  Abade vem de “Abbá”, que significa pai, e isto o santo de hoje bem soube ser do monaquismo    ocidental. São Bento nasceu em Núrcia, próximo de Roma, em 480, numa nobre família que o enviou   para estudar na Cidade Eterna, no período de decadência do Império.

  Diante da decadência – também moral e espiritual – o jovem Bento abandonou todos os projetos humanos para se retirar nas montanhas da Úmbria, onde dedicou-se à vida de oração, meditação e aos diversos exercícios para a santidade. Depois de três anos numa retirada gruta, passou a atrair outros que se tornaram discípulos de Cristo pelos passos traçados por ele, que buscou nas Regras de São Pacômio e de São Basílio uma maneira ocidental e romana de vida monástica. Foi assim que nasceu o famoso mosteiro de Monte Cassino.

A Regra Beneditina, devido a sua eficácia de inspiração que formava cristãos santos por meio do seguimento dos ensinamentos de Jesus e da prática dos Mandamentos e conselhos evangélicos, logo encantou e dominou a Europa, principalmente com a máxima “Ora et labora”. Para São Bento a vida comunitária facilitaria a vivência da Regra, pois dela depende o total equilíbrio psicológico; desta maneira os inúmeros mosteiros, que enriqueceram o Cristianismo no Ocidente, tornaram-se faróis de evangelização, ciência, escolas de agricultura, entre outras, isso até mesmo depois de São Bento ter entrado no céu com 67 anos.

                                                                                                                                                        São Bento, rogai por nós! 

Agradecimentos da Semana de Evangelização

Ostensório
Entre os dias 01 e 07 de julho ocorreu a semana de evangelização com o tema “O que me falta ainda”, fragmento retirado da passagem do Evangelho de Mateus 19:20 :” Disse-lhe o jovem: Tudo isso tenho guardado desde a minha mocidade; que me falta ainda?”
Diariamente, os temas nos direcionaram para a reflexão sobre o que ainda nos falta para viver completamente os planos e aceitar , com efeito, as ações de Deus em nós.
No primeiro dia foi lançada a semente com o pregador Xandão, tendo ficado no ar questionamentos dos quais buscaríamos a resposta ao longo da semana. Passamos grande parte de nossa vida juntando tesouros que não são nossos e depois caímos sem poder encontrar o chão. Reconhecemos a partir daí que o nosso maior tesouro é Deus, e é lá que o nosso coração deve ficar.
No dia seguinte, com o Antônio, a primeira peça nos foi lançada, falta-nos ainda muita oração. Não existe cristão sem oração, pois é por meio dela que ficamos mais íntimos de nosso melhor amigo, Deus. Ainda falta muito a doação para o próximo, mas para se doar ao outro, precisamos primeiro nos doar para Deus.
Na quarta-feira, com o Leive, vimos que a missa é o momento único na vida de todo cristão católico e que muitos momentos são banalizados e ignorados, deixando a verdadeira importância da missa passar. A reflexão foi a importância de cada um dentro da Santa Missa. Ficou ressaltado também a representação de cada momento como o beijo no altar, a consagração, o perdão, o oremos e o momento da coleta. Muito além de participar da missa, cada individuo deve viver a Santa Missa, ter zelo e comportar-se de tal forma, pois a casa de Deus é um lugar santo.
Com Marli e Nei, na quinta-feira, vimos que precisamos também ser testemunhos verdadeiros como cristãos. Marli nos disse que precisamos ser diferentes da frase na qual Gandhi diz “Quando conheci Jesus me apaixonei, e quando conheci os cristãos me decepcionei”. Precisamos levar o Cristo que levamos em nosso crucifixo, no nosso coração e nossa vida social. Precisamos parar de viver dentro da igreja uma farsa daquilo que não somos.
Na sexta-feira, o pregador da noite foi o Tio Joel, uma pessoa que nos remete a realidade cristã atual e propõe alguns temas a refletir. Devemos renunciar os pecados, os vícios e os apegos às coisas terrenas, às coisas fáceis. Ele dizia que o mundo é um grande hotel no qual estamos hospedados. Precisamos passar por esse processo para aprender nos santificar para ir, portanto, a junto de Deus e contemplar sua face eternamente. Não adianta também não buscarmos a Sua presença se não fizemos por onde em nossas vidas como testemunho. Precisamos fazer que a nossa oração pessoal seja intensa com Deus, e reservar um tempo específico, sermos organizados, para isso é suficiente. Vivemos num tempo muito rápido e com isso, não devemos largar as coisas de Deus. Precisamos sim colocar mais nossos joelhos pelos nossos, mas também nos portar de maneira diferente. Precisamos começar a ser a mudança que queremos.
Ao planejar esta semana, Deus agiu muito em tudo. O cunho do tema proposto é de levantar a juventude. “Simplesmente maravilhoso, pois em festas as pessoas geralmente não estão em oração, porém terminar a semana diante do Altar do Senhor, O adorando e recebendo graças não tem preço foi maravilhoso” (Grasiela Queiroz). Não foram muitas pessoas mas isso mostra-nos que Deus não deixa de agir pela quantidade de pessoas. Cada pessoa viveu a sua experiência muito profunda. Agora é preciso deixar sempre aceso este fogo sem desistir da caminhada. “Cada dia foi melhor que o outro! Me diverti com o tio Joel, devia ter mais tempo, me emocionei com o testemunho do casal Marli e Nei e a vigília então, foi de respirar fundo, magnífico. Primeira vez que fui a uma vigília”, diz Peterson Paixão.
 Agradecemos o empenho de todos que ajudaram direta ou indiretamente para que acontecesse e a todos que participaram, seja de nossa paróquia ou paróquias vizinhas.
Que Jesus,por intermédio de Nossa Senhora, te abençoe e te guarde!
Equipe PasCom

 

Semana de evangelização – Doa tudo e segue-me,Mc 10,17-21 – Tio Joel

Iniciamos o Santo Terço na Comunidade Senhor Bom Jesus às 19horas ,sendo ministrado pelo catequista de crisma de adultos Jorge Bispo e o coordenador dos coroinhas Augusto Leite.

O apresentador da noite Jorge Bispo nos convidou a refletir sobre : 1 João 2:17-25

“E o mundo passa, e a sua concupiscência; mas aquele que faz a vontade de Deus permanece para sempre. Filhinhos, é já a última hora; e, como ouvistes que vem o anticristo, também agora muitos se têm feito anticristos, por onde conhecemos que é já a última hora. Saíram de nós, mas não eram de nós; porque, se fossem de nós, ficariam conosco; mas isto é para que se manifestasse que não são todos de nós. E vós tendes a unção do Santo, e sabeis tudo. Não vos escrevi porque não soubésseis a verdade, mas porque a sabeis, e porque nenhuma mentira vem da verdade. Quem é o mentiroso, senão aquele que nega que Jesus é o Cristo? É o anticristo esse mesmo que nega o Pai e o Filho. Qualquer que nega o Filho, também não tem o Pai; mas aquele que confessa o Filho, tem também o Pai. Portanto, o que desde o princípio ouvistes permaneça em vós. Se em vós permanecer o que desde o princípio ouvistes, também permanecereis no Filho e no Pai. E esta é a promessa que ele nos fez: a vida eterna.”

Irmãos,as coisas do mundo certamente vão passar.Essa passagem vão nos trazendo à realidade.Podemos citar em nossas vidas, a falta de amor,compreensão,falta de harmonia.Tenhamos isso muito em mente : as coisas do mundo passam,e devemos buscar o lugar pra onde viemos.

Clamamos o Espírito Santo através do Imaculado coração de Maria, vossa amadíssima esposa.Possamos também saber que, podemos pedir a presença do Espírito que nos santifica todos os dias,para nos livrar do pecado,dos apegos desse mundo. Louvamos agradecendo a grandiosidade na presença de Deus sobre o dia e o sobre o que iria acontecer. O pregador da noite foi o Tio Joel, uma pessoa que nos remete a realidade cristã atual e propõe alguns temas a refletir. Devemos renunciar os pecados, os vícios e os apegos às coisas daqui.Ele dizia que, o mundo é um grande  hotel no qual estamos hospedados.Precisamos passar por esse processo para aprender,nos santificar para ir para junto de Deus contemplar sua face eternamente.Não adianta também não buscarmos a  Sua presença se não fizemos por onde em nossas vidas como testemunho.Precisamos fazer que,a nossa oração pessoal seja intensa com Deus,e reservar um tempo específico para isso é suficiente.Vivemos num tempo muito rápido e com isso,não devemos largar as coisas de Deus.

Precisamos sim colocar mais nossos joelhos pelos nossos, mas também nos portar de maneira diferente.Precisamos começar a ser a mudança que queremos neles.

Quer seguir a Jesus ? Sonha com o reino dos céus? Então segue uma dica :  Marcos 10:17-21

E, pondo-se a caminho, correu para ele um homem, o qual se ajoelhou diante dele, e lhe perguntou: Bom Mestre, que farei para herdar a vida eterna?
E Jesus lhe disse: Por que me chamas bom? Ninguém há bom senão um, que é Deus.
Tu sabes os mandamentos: Não adulterarás; não matarás; não furtarás; não dirás falso testemunho; não defraudarás alguém; honra a teu pai e a tua mãe.
Ele, porém, respondendo, lhe disse: Mestre, tudo isso guardei desde a minha mocidade.
E Jesus, olhando para ele, o amou e lhe disse: Falta-te uma coisa: vai, vende tudo quanto tens, e dá-o aos pobres, e terás um tesouro no céu; e vem, toma a cruz, e segue-me.

Como foi a sua semana? O que te falta ainda? Deus te esclareceu ? Sabe onde mudar e começar? Tem noção que agora parte de você a mudança? Vai… anda, pega a tua cruz diária e segue.O que te aguarda é o reino dos céus,onde juntos contemplaremos a face de Deus!

Vamos buscar juntos sempre e , jamais deixe para fazer amanhã o que é possível fazer hoje.Amanhã pode não existir para alguns de nós.O amanhã só Deus sabe prepara.

Natália Queirós – PasCom

Hoje, às 20 horas Vigília na Comunidade Matriz Santa Emília,para assim fecharmos com chave de ouro aquilo que Deus tem nos mostrado.

Com o tema ” Vem mover Senhor céu e terra”

#divulguem

Semana de Evangelização- O que me falta ainda? Fé e testemunho – Marli e Nei

Iniciamos o dia rezando o Santo Terço,contemplando os mistérios luminosos sendo conduzido pela  Aline de Oliveira.Logo após, a Aline nos contou uma historinha para nos remeter a pensar que devemos confiar e caminhar com Deus independente de alegrias e tristezas,e que Ele está no controle de tudo.

Depois dessa reflexão pedimos a presença do Espírito Santo com o Ministério Shekinah,e também refletirmos melhor sobre o que ainda nos falta para ser cristão de verdade,dentro e fora da igreja.Clamamos a Sua presença e depois louvamos a Deus agradecendo as grandes maravilhas,o nosso louvor é significado de alegria e agradecimento pela semana que está sendo muito proveitosa,como também a vida de todos nós,sem exceção.

Posteriormente,o casal Marli e Nei refletem conosco em relação fé e testemunho,e assim também vou convidar a você amado a refletir também.

Abra comigo nessa leitura de Tiago 2:14-17

Meus irmãos, que aproveita se alguém disser que tem fé, e não tiver as obras? Porventura a fé pode salvá-lo?
E, se o irmão ou a irmã estiverem nus, e tiverem falta de mantimento quotidiano,
E algum de vós lhes disser: Ide em paz, aquentai-vos, e fartai-vos; e não lhes derdes as coisas necessárias para o corpo, que proveito virá daí?
Assim também a fé, se não tiver as obras, é morta em si mesma.

Vamos partir do principio que a fé sem obras é morta.Não adianta se fazer caridade,cuidar dos pobres ou estar dentro da igreja sem acreditar e ser a convicção da fé.A fé é acreditar naquilo que ainda não aconteceu,é pisar num degrau e deixar que Deus providencie o restante das escadas… (Marli).Seremos completos quando sabermos de fato,balancear a fé com as nossas obras.Veja bem,começar obras sem Deus não é um caminho que durará muito tempo devido as circunstâncias e problemas.Quem tem a fé consegue saber que mesmo devido a tantos problemas no meio do percurso consegue ver que o restante Deus providencia.

Precisamos a cada dia estar mais ítimos da presença de Deus,saudar o Espírito Santo pela manhã.Tente fazer o hábito de dizer : “Bom dia Espírito Santo! O que vamos fazer hoje?”. Parece simples,mas são coisas que , com o dia a dia na nossa vida como cristãos fazem diferença.

Precisamos também ser testemunhos verdadeiros como cristãos,Marli nos disse que precisamos ser diferentes da frase na qual Gandhi diz : “Quando conheci Jesus me apaixonei, e quando conheci os cristãos me decepcionei” .Precisamos levar o Cristo que levamos em nosso crucifixo,no nosso coração e nossa vida social.Precisamos parar de viver dentro da igreja uma farsa daquilo que não somos.

Devemos nos conscientizar que o contra testemunho é muito sério,vamos proclamar aquilo que acreditamos e viver;a partir daí também vamos juntando a fé com as obras…as nossas ações e o nosso alicerce.

O nosso verdadeiro alicerce é Jesus! Ele é o verdadeiro alicerce de fé, e assim então,precisamos estar caminhando com Ele, e é assim que seguramos tantos problemas que estamos sempre sujeitos.

Irmãos, o que te falta ainda? Ser autêntico? Perdoar certas mágoas, realmente não sei, e isso só  Deus sabe eu creio.Então confie e peça que pra mudar, mas também faça por onde.Pare de juntar aquilo que não pertence à um cristão que busca ser testemunha de Deus.

Depois que refletirmos grandes pontos,nos emocionamos com a ação da Deus na vida do casal.Não vou relatar diante dessas linhas esse testemunho,acredito que em uma outra oportunidade quem não pode estar presente vai saber,vivenciar e se emocionar também.Seja com esse lindo casal abençoado por Deus ou outro casal,ou outra situação.

Natália Queirós – PasCom

*** Dia 05/07  teremos a continuidade da semana de evangelização na Comunidade Senhor Bom Jesus às 19horas,com o tema  Doa tudo e segue-me – Marcos 10,17 – 21 -.

Para aqueles que não souberem onde fica a Comunidade, eu ( Natália Queirós) e a Aline de Oliveira vamos estar na Comunidade Matriz Santa Emília e sairemos de lá às 18:40.

Participe e venha refletir conosco o que nos falta ainda.

Semana de Evangelização – O que me falta ainda? Missa, Êxodo 3,5 – Leive Rodrigues

Iniciamos com o Santo terço às 19 horas  pelos ministros Sr Zizo e Aline de Oliveira.

O ministério de música da Paróquia São Vicente e São Tiago Apóstolo Montes de Sião nos animaram com o louvor, agradecendo a Deus pelo dia.

Antes do nosso pregador do dia Leive Rodrigues iniciar, a apresentadora do dia Dede ressaltava a grande importância do tema do dia, sendo tão importante e tão perdida nos dias hoje. Muitos de nós destruímos o sentido da missa quando não sabemos a sua grande importância.

Leive iniciou com um quebra-gelo, pois seria uma pregação mais formativa da noite. Foi um encontro para nos especializar-nos bem e entender a missa pelo menos.

Segue abaixo dicas e significados *,vale muito apena ler e lembrar, caso tenha esquecido. E lembre-se sempre que a missa é momento único e não devemos nos dispersar com conversas paralelas entre outras coisas.

A missa momento único na vida de todo cristão católico e que muitos momentos são banalizados e ignorados, deixando a verdadeira importância da missa passar. A reflexão deve ser qual a importância de cada um dentro da Santa Missa. Ressaltar a representação de cada momento como o beijo no altar, consagração, perdão, oremos e o momento da coleta. Muito além de participar da missa cada individuo deve viver a Santa Missa, ter zelo e comportasse de tal forma, pois a casa de Deus é um lugar santo.

Hoje terá mais às 19horas com o Santo Terço, com o tema “Fé e testemunho” , sendo conduzido pelo casal Marli e Nei.

Natália Queirós – PasCom

** Material do Leive Rodrigues

E disse: Não te chegues para cá; tira as sandálias de teus pés; porque o lugar em que tu estás é terra santa. (Êxodo 3:5)

Missa: vem do latim MISSIO que significa ENVIO/MISSÃO.

Missa nada mais é que a CEIA DO SENHOR/ EUCARISTIA/ AÇÃO DE GRAÇAS.

Quinta feira santa última ceia e primeira missa.

Por que devemos participar da Santa Missa?

Porque Jesus nos pede. “fazei isto em memória de mim.”1 Coríntios 11:24

LITURGIA: ação do povo de Deus.

RITOS:  sucessão de palavras, gestos e atos que se repetem.

DE JOELHOS: Posição comum diante do Santíssimo Sacramento e durante a consagração do pão e do vinho. Significa adoração a Deus. São Paulo diz: “Ao nome de Jesus, se dobre todo joelho, no céu, na terra e debaixo da terra” (Fl 2,10). Rezar de joelhos é mais comum nas orações individuais. “Pedro, tendo mandado sair todos, pôs-se de joelhos para orar” (At 9,40)

GENUFLEXÃO: É um gesto de adoração a Jesus na Eucaristia. Fazemos quando entramos na igreja e dela saímos, se ali existe o sacrário. Também fazemos genuflexão diante do crucifixo na Sexta-Feira Santa, em sinal de adoração. (Não é adoração à Cruz, mas a Jesus que nela foi pregado).

SENTADO: É uma posição cômoda que favorece a catequese, boa para ouvirmos as Leituras, a homilia e meditar. É a atitude de quem fica à vontade e ouve com satisfação, sem pressa de sair.

DE PÉ: É uma posição de quem ouve com atenção e respeito, tendo muita consideração pela pessoa que fala. Indica prontidão e disposição do “orante”. A Bíblia diz: “Quando vos puserdes em pé para orar, (…)” (Mc 11,25). Falando dos bem-aventurados, João vê uma multidão, de vestes brancas, “de pé, diante do Cordeiro”, que é Jesus (Ap 7,9)

INCLINAÇÃO: Inclinar-se diante de alguém é sinal de grande respeito. É também adoração, diante do Santíssimo Sacramento. Os fiéis podem inclinar a cabeça para receber a bênção solene.

PROSTRAÇÃO: Gesto muito antigo, bem a gosto dos orientais. Estes se prostravam com o rosto na terra para orar. Assim fez Jesus no Horto das Oliveiras. Hoje essa atitude é própria de quem  se consagra a Deus, como na ordenação sacerdotal. Significa morrer para o mundo e nascer para Deus com uma vida nova e uma nova missão.

MÃOS LEVANTADAS: É atitude dos “orantes”. Significa súplica e entrega a Deus. É o gesto aconselhado por Paulo a Timóteo: “Quero, pois, que os homens orem em qualquer lugar, levantando ao céu as mãos puras, sem ira e sem contendas” (1 Tm, 2,8)

MÃOS JUNTAS: Significam recolhimento interior, busca de Deus, fé, súplica, confiança e entrega da vida. É atitude de profunda piedade.

SILÊNCIO: O silêncio tem seu valor na oração. Ajuda o aprofundamento nos mistérios da fé. “O Senhor fala no silêncio do coração”. É oportuno fazer silêncio depois das Leituras, da homilia e da Comunhão, para interiorizar o que o Senhor disse. Meditar é também uma forma de participar. Uma Missa que não tivesse nenhum momento de silêncio, seria como chuva forte e rápida que não penetra na terra.

 

RITOS INICIAIS

Procissão de entrada:
Jesus que vai ao encontro dos mais necessitados.


Reverencia e beijo no Altar: O altar é presença de Cristo. O beijo simboliza a intimidade e reverência do sacerdote pelo mistério de Cristo crucificado.

Saudação:
Santíssima trindade e acolhida.

Ato penitencial:
momento de pedir perdão a Deus de nossos pecados.

OREMOS/ORAÇÃO OU ORAÇÃO DA COLETA:
Momento em que apresentamos nossas preces e pedidos a Deus pela Santa Missa.

Comunhão:
Oração pós-comunhão.

 

LITURGIA DA PALAVRA

  1° leitura:

  Salmo:

  2° leitura:

  Aclamação:

  Evangelho:

Homilia:

  Creio:

  Preces:

LITURGIA EUCARISTICA
Apresentação da oferendas (ofertório):
Oração sobre as oferendas:

Prefacio:
Santo:
Oração Eucarística: (consagração, doxologia).


RITO DA COMUNHÃO
Oração do Pai Nosso.

(não se diz amém), pois o Padre continua a oração.

Oração pela Paz.
Paz de Cristo.
Cordeiro de Deus…
Convite:
Senhor eu não sou digno …

RITOS FINAIS:
Benção final:

Despedida: (envio).